segunda-feira, 13 de maio de 2013

Temas táticos em profusão

Caros colegas,
Separei um fragmento de partida onde encontraremos exemplos de vários temas táticos em sequência.
Uma verdadeira aula sobre esse assunto.
Acompanhem:
 
 
Posição inicial de nosso estudo.
As brancas jogam.
Notem que, já nesse primeiro diagrama, aparece o primeiro tema tático, que é o "Ataque ao roque", pois as brancas planejaram um ataque direto ao roque preto, com a captura do Peão h7 preto pela Dama branca.
 
 
1.f5
Apesar de estarem com sua Torre de e5 ameaçada de captura pelo Bispo preto de g7, as brancas resolvem investir ainda mais no ataque, infiltrando seu Peão f no meio dos Peões defensivos pretos.
 
 
1.______,Bxe5
As pretas ganham qualidade com essa troca, mas e quanto à questão posicional....????
 
 
2.Rxe5
 
 
Aquí é importante notar que, no caso da Dama preta capturar a Torre branca de e5, levarão mate de Dama via f7.
É o conhecido tema tático chamado de "Desvio de atenção".
 
 
2.______,gxf5
Mas as pretas não caem na armadilha das brancas e tomam o Peão de f5 com o Peão de g6. Caso tomassem com o Peão de e6 levariam mate da Dama branca via h8, perceberam?
 
 
3.Bxe6
Mais uma peça branca entra no ataque.
 
 
Se as pretas capturarem o Bispo branco com seu Peão de f7, perdem sua Dama ("Cravada relativa").
Se tomarem o Bispo branco com a Torre de f8, devolvem a qualidade ganha alguns lances atrás (Nxe6).
 
 
3.______,Bxe6
Só sobrou, então, o uso do Bispo de c8.
 
 
4.Rxe6
Nova surpresa preparada pelas brancas
E as pretas abandonam a partida neste ponto.
 
 
 
Vejam que, se as pretas capturarem a Torre branca de e6 com a sua Torre de e8, o Cavalo branco dará um "Garfo" triplo espetacular, ameaçando não só ao Rei preto (f8), como também à Dama preta (c7) e à segunda Torre preta, posicionada em d4.
 
 
Se capturam a Torre branca com seu Peão de f7, perdem a Dama.
 
 
E se não fizerem nada disso, estão ameaçadas de tomarem um "Ataque pela retaguarda", levando mate da Dama branca via h8.
Maravilhoso, não foi mesmo?

Um comentário:

Luciano disse...

Bastante tática, Marcos. Muito bom!