quinta-feira, 11 de abril de 2013

Diagonais abertas

Caros colegas,
Separei um fragmento de partida para mostrar o perigo que corremos ao deixar diagonais importantes abertas.
Principalmente aquelas diagonais que desembocam justamente sobre o nosso roque.
Vamos ver o que aconteceu nesta partida.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Jogam as brancas.
Posição inicial de nosso estudo.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Notem que as pretas, ao avançarem seus Peões defensivos das colunas f e g (f5 e g6), deixaram duas diagonais importantes abertas.
Tanto a grande diagonal a1-h8 quanto a sua diagonal paralela a2-g8, que já foi devidamente ocupada pela Dama branca (a2).
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Para complicar ainda mais a situação das pretas, vejam que seu Cavalo de c6 sobre um cravada relativa da Torre branca de c1.
Ou seja: se o Cavalo se mover, a Torre capturará a Dama.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
1.Bd4+
Jogada inteligente das brancas.
Por quê?
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Além de dar xeque no Rei preto (h8), o Bispo branco explora a incapacidade do Cavalo preto (c6) capturá-lo, devido à cravada da Torre de c1.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
1.______,Qe5
Única jogada das pretas que evita o mate das brancas.
Mas, lá se vai a Dama preta de embrulho.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
2.Bxe5+
Continuando com o xeque.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
2.______,Nxe5
Agora o Cavalo já pode capturar o Bispo branco, mas as pretas ficaram sem a Dama.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
3.Rc7
Torre na sétima: uma jogada sempre mortal.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
3.______,N7c6
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
4.Qe6
Casa estratégica para a Dama branca, com várias possibilidades de ataque, dependendo do próximo lance das pretas.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
4._______,Rd8
Último erro das pretas.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
5.Qf6+
E as pretas abandonaram a partida neste ponto.
Impossível para elas evitar o mate de Dama em g7 no próximo movimento.

Nenhum comentário: