sábado, 26 de março de 2011

Torre fixa

Caros colegas,
Uma produção da Oficina de Xadrez do blog http://xadrezdomeujeito.blogspot.com/
O tema tático deste exercício é a cravada relativa.
Como já sabemos, uma cravada relativa fica caracterizada quando temos, logo atrás da peça cravada, uma outra peça de valor que não seja o Rei.
Poderemos ver uma situação destas estudando a partida transcrita a seguir.
Vamos lá!
 
 
Posição após 1._____,Bxe1
Jogam as brancas.
Observem que o Cavalo branco posicionado em d5 possui duas outras peças brancas protegendo-o: o segundo Cavalo, colocado em c3, e o Bispo em g2.
Isso vai ser muito importante no desenvolvimento da partida!
 
 
2.Bg5
O Bispo branco de casas escuras ataca a Dama preta (d8).
 
 
2._____,f6
 
 
3.Nxf6+
 
 
3._____,Rxf6
Cravando a Torre preta.
 
 
4.Nd5
O segundo Cavalo branco ocupa a casa deixada pelo primeiro Cavalo e ainda mantêm a proteção do Bispo g2.
 
 
A Torre preta de f6 está sendo duplamente atacada (Cavalo e Bispo) e não pode se mover de f6 senão o Bispo branco (g5) captura a Dama preta em d8.
Aí está um exemplo de cravada relativa!
As pretas abandonaram a partida neste ponto.
 

Nenhum comentário: